Ir para a página inicial
Fale conoscoEnglish version Localização
Principal Escola Educação Infantil Ensino Fundamental Ensino Médio  |  Vestibulares Admissão de Novos Alunos Novo Portal dos Pais Na Mídia Trabalhe conosco
 
Depoimentos

“Se eu fosse permanecer no Brasil, essa seria a escola na qual gostaria que meu filho estudasse até completar 18 anos.”
 

“Estou voltando para a Holanda, e saio daqui com um nó na garganta; gostaria de poder levar a Escola Internacional e as pessoas que nela trabalham para lá. O colégio é maravilhoso, é impressionante o vínculo que todos aqui tem com as crianças; desde os professores até o pessoal da portaria, passando pelos assistentes, a equipe da escola não vê as crianças como alunos, tem um contato direto com elas, como se fossem da família, sabe o nome de todas, e também de seus pais. Um dos aspectos que mais me impressiona na Escola Internacional é o fato desta ter um magnífico método de alfabetização de crianças estrangeiras, bem como a ênfase com a qual o inglês é ensinado: os alunos se comunicam em inglês não somente nas atividades específicas, mas durante todo o tempo em que estão na escola. Se eu fosse permanecer no Brasil, essa seria a escola na qual gostaria que meu filho estudasse até completar 18 anos.”

Carla Cristina Eerhard, mãe do Arthur Henrique (J1B), em depoimento colhido em 31 de outubro de 2009, por ocasião de sua viagem à Holanda, país no qual irá viver a partir de agora.

 


“Foi surpreendente ver um garoto de seis anos ajudando dois adultos a se comunicarem. Senti um orgulho tremendo do meu filho.”


 
 

“Achamos o inglês fundamental na educação de nossos filhos. Tivemos uma experiência ótima com o Victor, que após uma semana de aula já falava algumas frases em inglês, e resolvemos colocar o Lucas para estudar na Escola Internacional também.

Quando o Victor entrou, tínhamos uma preocupação pelo fato dele não ter tido ainda nenhum contato com o inglês, e não queríamos que ele se assustasse e criasse um bloqueio, desanimando por não acompanhar o ritmo dos outros. Conversamos com o pessoal da escola e eles nos tranqüilizaram.

A partir de então, o resultado está sendo ótimo. Logo no segundo semestre após o início das aulas ele já estava ‘voando’, colocando em prática o que estava aprendendo. Dizia o nome de todos os bichos que via em inglês. O Lucas seguiu o mesmo ritmo do Victor, e já canta diversas músicas em inglês.

Até o irmã deles, só de vê-los praticar em casa já sabe cantar “Parabéns Pra Você” em inglês. Isso é resultado do método de ensino sócio-construtivista e do clima da escola, que são muito bons. Eles não se preocupam somente com o inglês, o ensino é completo.

Vou contar um episódio, que mostra quando percebi que meu filho é bilíngüe. Ele estava com seu professor de surf no Guarujá e um americano veio alugar uma prancha.

Como seu professor não sabia falar inglês, ele serviu como tradutor entre os dois. Foi surpreendente ver um garoto de seis anos ajudando dois adultos a se comunicarem. Senti um orgulho tremendo do meu filho.”

Vanessa e Ricardo Helmlinger, pais de Victor (Kids 4) e Lucas (Junior 1), em entrevista realizada em 19 de maio de 2006, por ocasião de uma matéria sobre os benefícios advindos da educação internacional oferecida pela Escola Internacional de Alphaville.

 

“Fui muito bem recebida na escola, e gostaria de deixar um agradecimento a todos: obrigado por esse ano inesquecível!”

Franzisca Becker, alemã, ex-aluna que passou um ano em intercâmbio no Brasil e estudou na Escola Internacional de Alphaville – 18 de junho de 2009.

 

“Então vale a pena levar a sério cada dia que coloca os pés neste lugar. Um dia, queria eu ter essa oportunidade, de estar numa escola organizada como essa, com pessoas que querem seu bem. E essa oportunidade que não tive um dia, hoje dou para os meus filhos e invisto neles, porque sei que eles têm um talento e dom, e um dia esse talento e dom irão florir na vida deles, como também na vida de vocês.”

Zé Roberto, jogador de futebol e melhor atleta brasileiro na Copa do Mundo da Alemanha, em 2006, durante palestra para os alunos do High School realizada em 22 de junho de 2009 – os filhos do jogador costumam estudar na Escola Internacional de Alphaville durante as férias.

 

“Meus filhos estão aqui há um ano, e estão adorando. Vieram dos EUA, e o português deles está muito bom. E queria dar os parabéns para todos, pois o trabalho deles foi fantástico, organizar tantas crianças assim, além do trabalho de pesquisa, saber como cada povo dança, a preparação, estão todos de parabéns.”

Lucia Metzer, mãe dos alunos Alessandra (Kids 4) e Lucas (Junior 1), durante a Festa Junina 2009, realizada em 23 de julho de 2009.

 

“Nós ficamos realmente empolgados com toda a festa, em espacial com a parte da dança; e também fiquei muito feliz em ver minha filha cantando”

Palavras da indiana Pryia Shri Parasuranai, mãe de Lakshana, aluna do Kids 4 A, ao acompanhar pela primeira vez a Festa da Família da Escola Internacional, em 13 de maio de 2009.

 

“É muito interessante a proposta da Escola Internacional de trazer profissionais para conversar com vocês, já que é difícil saber sobre as profissões nesta fase da vida.”

Dr. Daniel Korytnicki, formado em Odontologia pela Universidade da República do Uruguai, Mestre em Odontologia Infantil pela Universidade de Michigan (EUA), Doutor em Materiais Dentários pela USP e dono de uma clinica de odontologia para crianças e adolescentes em São Paulo desde 1985, durante umas das palestras integrantes da disciplina “Empreendedorismo e Projeto de Vida”, ministrada pelo professor Ricardo Mesquita Chioccarello, em 07 de maio de 2009.

 

“Pessoalmente valorizo muito a arte, acho que é importante para as crianças desenvolverem essa habilidade e conhecerem os artistas brasileiros e mesmo os estrangeiros. Também é importante o contato: verem todo o trabalho que desenvolveram pronto, na forma de uma exposição. Isso tem um valor muito grande.”

Maria Cristina, mãe da Pietra (Kids 4A), durante a Exposição Científico-Cultural da Escola Internacional de Alphaville, em 06 de outubro de 2008.

 

"Em primeiro lugar, quero exaltar a iniciativa da Escola Internacional em realizar um evento como esse, que traz pais e mães para dentro da instituição, junto com os filhos, num momento que estimula a convivência entre família e escola, aspecto importante na formação das crianças. Porque na medida em que percebem os pais junto delas no ambiente da escola, isso faz um bem tremendo para a formação e a personalidade das crianças, no sentido da segurança que elas acabam criando com esses eventos."

Milton Linhares, pai da Marília (Junior 1), sobre a Festa de Encerramento realizada em dezembro de 2007

 


“Para os meus filhos, vir à escola é um prazer. Na minha casa não existe mais ‘não quero ir porque é chato’.”


 

“Quando meus filhos ingressaram na Escola Internacional, em 2001, eles não sabiam falar inglês. O Victor entrou no Teens 5 e a Giovanna no Junior 2. No entanto, depois de 3 anos os dois já estavam completamente fluentes, o que foi muito bom, pois abriu novos horizontes tanto na vida deles como na da família.

Agora eles podem se comunicar facilmente durante viagens internacionais, têm a possibilidade de lerem de livros em inglês, navegam por sites estrangeiros na Internet, além de conseguirem assistir filmes sem legenda.

Tanto o Viktor quanto a Giovanna têm a plena noção dos benefícios que a educação bilíngüe trouxe para suas vidas. Para os meus filhos, vir à escola é um prazer. Na minha casa não existe mais ‘não quero ir porque é chato’. Eles consideram a escola uma segunda casa.”

Monica Virgina Bruscagin, mãe de Giovanna Bruscagin Amador (Teens 7) e Viktor Luiz Bruscagin Amador (High 2), em entrevista realizada em 19 de maio de 2006, por ocasião de uma matéria sobre os benefícios advindos da educação internacional oferecida pela Escola Internacional de Alphaville.

 

“Estou extremamente satisfeita com os resultados que meu filho atingiu após ter estudado por cinco anos na Escola Internacional de Alphaville.

Hoje, três meses após nossa mudança para Atlanta, Estados Unidos, vejo meu filho sendo avaliado por diversas pessoas desconhecidas em inglês, sobre vários assuntos e fico orgulhosa de vê-lo aceito em uma das melhores escolas particulares de Atlanta.

Agradeço o apoio recebido por todos, mas principalmente parabenizo a Escola Internacional por sua proposta bilíngüe e reconheço a validade de seu enorme potencial.”

Thaís Alcalay, mãe de Thomas Alcalay (Kids 6), em depoimento colhido em 12 de agosto de 2005

 

“A Escola Internacional, através de sua proposta bilíngüe, proporcionou de forma natural e gradual a excelente adaptação do Iori no programa de intercâmbio na Holanda – excelente convivência com estudantes de outros países, fluência em inglês e contato com novas culturas.

Parabéns à escola.”

Rose Junqueira, mãe de Iori Junqueira (High 3), em depoimento colhido em 19 de maio de 2005, a respeito do intercâmbio de seu filho na Holanda


 
Ana Flávia, do site Alphamães, mostra a Escola Internacional de um jeito que você nunca viu! Clique aqui e veja o vídeo.
Lista de Materiais 2017
Estúdio Escola Internacional
Atividades de Extensão
Vídeos               > Ver todos os vídeos
Mural

Matrículas

Informações no Setor de Atendimento

Conheça a Escola Internacional

Agende um visita pelo telefone
11 41346686

Calendário
Julho/2017
30/7/2017
Férias Escolares (30/6 a 29/7)

31/7/2017
Início das aulas - 2º Semestre - Kids 2 a High-School 3

Mais Calendário

Restaurante
Artigos
ESCOLA INTERNACIONAL DE ALPHAVILLE
Av. Copacabana, 624 - Cond. Empresarial 18 do Forte - Alphaville - Barueri - SP | Tel: (11) 4134 6686
Política de Privacidade . Todos os direitos reservados